segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Apesar do bom início, Tite descarta pensar em renovar com a seleção antes da Copa

Tite descarta pensar em renovar com a seleção antes da Copa
Desde que assumiu a seleção brasileira, no meio do ano passado, o técnico Tite deixou o time com 100% de aproveitamento e encaminhou a vaga para a Copa do Mundo da Rússia. Apesar do bom retrospecto, o treinador não vê como real a possibilidade de renovar o contrato com a CBF antes da disputa do Mundial em 2018.
"A renovação estará sempre presa aos resultados. Não gostaria que acontecesse [oferta de renovação antecipada], prefiro esperar o fim do Mundial, porque que aí sim, poderei analisar tudo da melhor maneira possível", comentou Tite, em entrevista ao jornal esportivo português O Jogo.
Tite entrou no lugar do demitido Dunga e já acumula sete vitórias em sete jogos, sendo seis em confrontos das Eliminatórias e uma em um amistoso. Neste período, a equipe nacional marcou 18 gols e sofreu apenas um.
Questionado sobre a possibilidade de treinar um clube da Europa após a Copa do Mundo, Tite deixou claro que ainda não quer pensar neste assunto. O técnico acredita que esteja no ápice de sua carreira.
"Não pensei nisto ainda, admito. Quando fui campeão mundial com o Corinthians, em 2012, senti que fiquei habilitado para ser lembrado dentro da seleção brasileira. Consegui, hoje estou na seleção. Agora, o foco é apurar o time e, em seguida, a disputa do Mundial. Se o Brasil for campeão, quero dar um tempo e analisar o rumo da minha carreira, porque é difícil planejar o futebol a longo prazo. Mas uma coisa é certa: atingi o máximo em termos de posição profissional", acrescentou.
Tite concedeu uma entrevista ao jornal português em meio a uma viagem pela Europa para acompanhar partidas de jogadores brasileiros pelo continente. Após passar por Sevilla, e conversar com Paulo Henrique Ganso, o treinador adiantou que vai acompanhar a partida de volta entre Barcelona e PSG pelas quartas de final da Liga dos Campeões - o time de Paris goleou os espanhóis por 4 a 0 na ida.
"Faço questão de assistir no estádio ao jogo de volta entre Barcelona e PSG. Porque não quero ter uma visão parcial da goleada do PSG, que jogou em casa, numa atmosfera altamente favorável. Às vezes você pega um dia menos inspirado, ruim... É humano, é futebol. Quero ter a referência do outro jogo, no Camp Nou, com outra atmosfera forte e uma indignação dos jogadores do Barcelona", comentou.
Sobre Ganso, Tite pediu paciência para que o meia ex-São Paulo e Santos possa mostrar melhor desempenho no Sevilla. O atleta vive má fase na equipe do técnico argentino Jorge Sampaoli e tem sido pouco aproveitado nas partidas.
"Disse, logo no começo do papo (com Ganso): 'Você é o jogador que me obrigava a dar uma orientação especial para o Ralf nos jogos contra o Santos e, posteriormente, o São Paulo.' É um meia que não pode ter espaço para jogar, é muito criativo. A capacidade de assistência dele é impressionante. Ele está com uma filha de menos de 30 dias agora, está num processo de adaptação, que também é um processo familiar", disse.
Na última quinta-feira, a CBF anunciou que Tite irá convocar a seleção brasileira para os dois próximos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2018 no dia 3 de março. O comandante irá revelar os nomes escolhidos para defender o time nacional contra o Uruguai no dia 23 de março, em Montevidéu, e no dia 28, contra o Paraguai, no Itaquerão, em São Paulo, pelas respectivas 13ª e 14ª rodadas do qualificatório para o Mundial da Rússia. (Estadão)
Leia Mais ››

Ruas do Pelô e Maragogipe celebram o carnaval com fanfarras, bandas de sopro e percussão

No Carnaval dos 50 anos do Tropicalismo o Centro Histórico recebe na abertura, no Largo do Pelourinho o cantor Gilberto Gil e o poeta José Carlos Capinam. Em meio à decoração os foliões vão poder curtir durante cinco dias, no sobe e desce pelas ruas do Pelô, diversos grupos musicais e de performance, que prometem não deixar ninguém parado.
Um carnaval seguro, democrático, sem trios, cordas e para toda a família. Muita irreverência marca os desfiles das bandinhas de sopro e percussão, bandinha de percussão, bandinha de corda e percussão e bandão. Nomes como: Fanfarra do Ney, Varal de Cordel, Banda Meninos da Rocinha do Pelô, Maracatu Santo Antônio, Paroano Sai Milhó, Bandão Jurema, Escola de Samba Unidos de Itapuã, A Boiada Multicor, Folia Mamulengo, Cia das Danças e Folguedos.
Os desfiles acontecem de sexta-feira (24) a terça-feira (28), das 15h30 às 19h, com o primeiro grupo de bandas e performances e das 20h às 23h, com o segundo grupo. São sete horas por dia de muita música pelas Ruas do Pelô.
OUTROS CARNAVAIS
O Carnaval de Maragogipe, que integra o projeto Outros Carnavais, da SecultBA, tem mais de 180 anos. Na cidade com cerca de 40 mil habitantes, localizada a 140 quilômetros da capital baiana, é preservada e renovada a cada ano a tradição dos mascarados, que se esbaldam nas ruas e praças da cidade. Com início no sábado (25) e final na terça-feira (28), a festa reúne aproximadamente 80 mil pessoas.
Concursos de marchinhas, de mascarados e de fantasias fazem com que a cada ano as alegorias fiquem cada vez mais bonitas e irreverentes. Para animar os foliões, grupos de mascarados, bandas de fanfarras e de samba de roda fazem a festa em Maragogipe. Nomes como: Orquestra Maragogipana de Frevos e Marchinhas, Fanfarra Carnavalesca de Maragogipe, Os Alquimistas, Ed Bala e Fanfarra Mágica, Thais Ramos e Orquestra, Iracema e Orquestra, Bloco das Almas, Amauri Quirino, Renir e Orquestra, Thais Ramos e Orquestra, Iracema e Orquestra, Bloco das Almas, Fanfarra Carnavalesca de Maragogipe, Orquestra Maragogipana de Frevos e Marchinhas, Concurso de Mascarados, Concurso de Fantasias, vão tocar os frevos e dobrados da folia momesca.
Mas o samba de roda também tem vez em Maragogipe, as bandas: Samba de Maragogó, Filhos de Dona Cadu, Filhos de Coqueiros, Samba de Roda Só Pra Agradar, Samba de Roda Amor de Vovó, também vão animar o folião.

CARNAVAL DA CULTURA
O Carnaval da Cultura é o carnaval da democracia e da diversidade e do folião pipoca, que leva para as ruas, durante todos os dias e circuitos da folia, a mistura de ritmos e gêneros musicais e, principalmente, a estética e a arte de diferentes artistas, grupos e entidades culturais da Bahia. São centenas de atrações e shows gratuitos de afoxé, samba, reggae, axé, pop, MPB, fanfarras e muito mais. É diversão garantida para todos os gostos e estilos no espaço público da rua para alegria do folião. O Carnaval da Cultura – uma realização da Secretaria da Cultura do Estado da Bahia, por meio do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) – está organizado a partir de quatro programas: Carnaval do Pelô, Carnaval Pipoca, Carnaval Ouro Negro e Outros Carnavais. A programação completa de nossa festa está disponível nos sites www.cultura.ba.gov.br e www.carnaval.bahia.com.br
(Blog do Zevaldo)








Leia Mais ››

Tudo sobre os novos Moto G5 e G5 Plus


A Lenovo finalmente apresentou os seus novos intermediários para 2017 durante sua conferência na MWC 2017, que acaba de terminar em Barcelona. Estamos falando dos novos Moto G5 e Moto G5 Plus.
O maior destaque é a mudança no design. Os dois smartphones possuem carcaça de metal, diferente do plástico da versão passada, e, agora, o leitor de digitais é um “item de série”, que vem tanto no Moto G5 comum quanto no Moto G5 Plus.  A maior diferença entre os dois é o tamanho da tela, sendo que o G5 Plus tem 0,2’’ a mais.

Vale notar, entretanto, que os novos intermediários da Motorola ficaram menores. O G5 comum ficou com as 5,0’’, mas o Plus saiu das 5,5’’ do ano passado para 5,2’’ neste ano, um tamanho bem mais confortável em questão de manejo do aparelho. Ambos ficaram com resolução Full HD.


Confira as especificações liberadas até o momento.


Moto G5 Plus


Tela: 5,2’’ IPS LCD Full HD (424 ppi)

Processador: Qualcomm Snapdragon 625 octa-core de 2,0 GHz
GPU: Adreno 506
RAM: 3 GB
Armazenamento: 32 e 64 GB + espaço para micro SD de até 256 GB
Câmera traseira: 12 MP, f/1.7, foto automático, flash LED, auto-HDR, vídeo em 4K a 30fps
Câmera frontal: 5 MP, f/2.2 e auto-HDR
Conectividade: Wi-Fi 802.11 a/b/g/n, dual-band, WiFi Direct, Bluetooth LE 4.2, rádio FM, micro USB
SO: Android 7.0 Nougat
Bateria: 3.000 mAh

Dimensões e peso: 150,2 x 74 x 7,9 mm e 155 g



Moto G5

Tela: 5,0’’ IPS LCD Full HD (441 ppi)

Processador: Qualcomm Snapdragon 430 octa-core de 1,4 GHz
GPU: Adreno 505
RAM: 2 GB
Armazenamento: 16 e 32 GB + espaço para micro SD de até 256 GB
Câmera traseira: 13 MP, foto automático, flash LED, vídeo em Full HD a 30fps
Câmera frontal: 5 MP
Conectividade: Wi-Fi 802.11 a/b/g/n, dual-band, WiFi Direct, Bluetooth LE 4.2, rádio FM, micro USB
SO: Android 7.0 Nougat
Bateria: 2.800 mAh
Dimensões e peso: 144,3 x 73 x 9,5 mm e 145 g

O leitor de impressões digitais dos dois aparelhos fica localizado na parte frontal e, diferente do que vimos no ano passado, dessa vez o sensor tem um formato arredondado que combina bem melhor com a estética do celular.

Fora isso, ele também reconhece gestos. Portanto, arrastando seu dedo nele da esquerda para a direita, você acessa os apps recentes; fazendo o movimento contrário, é possível voltar para a tela anterior; e dando um toque simples, ir para à home. Com isso, o usuário pode desativar os botões de navegação do Android e conseguir mais espaço na tela.
Ambos contam ainda com proteção contra água e carregam uma configuração de câmera similar. Contudo, note que o G5 tem um megapixel a mais na parte traseira na comparação com o G5 Plus, mas o aparelho maior é quem deve fazer as melhores fotos, já que o sensor é bem mais avançado e consegue capturar mais luz.
Preço e disponibilidade

Ainda não há uma data certa para os novos Moto G5 e G5 Plus começarem a chegar ao mercado brasileiro, mas, como a fabricante já tem um evento marcado para o dia 07 de março em São Paulo, acreditamos que a venda local deve ser iniciada no mesmo dia. Os preços ainda não foram oficializados por aqui, mas, no Reino Unido, o mais básico sairá por 169 libras, e o completo por 259 libras. A expectativa é de que o preço nacional seja o mesmo praticado no lançamento dos Moto G4 e G4 Plus em 2016.


IMAGEN(S)ROLAND QUANDT


Tecmundo
Leia Mais ››

A Bíblia: Daniel 3


O rei Nabucodonosor fez uma estátua de ouro, cuja altura era de sessenta côvados, e a sua largura de seis côvados; levantou-a no campo de Dura, na província de babilônia.

Então o rei Nabucodonosor mandou reunir os príncipes, os prefeitos, os governadores, os conselheiros, os tesoureiros, os juízes, os capitàes, e todos os oficiais das províncias, para que viessem à consagração da estátua que o rei Nabucodonosor tinha levantado.
Então se reuniram os príncipes, os prefeitos e governadores, os capitàes, os juízes, os tesoureiros, os conselheiros, e todos os oficiais das províncias, à consagração da estátua que o rei Nabucodonosor tinha levantado; e estavam em pé diante da imagem que Nabucodonosor tinha levantado.
E o arauto apregoava em alta voz: Ordena-se a vós, ó povos, nações e línguas:
Quando ouvirdes o som da buzina, da flauta, da harpa, da sambuca, do saltério, da gaita de foles, e de toda a espécie de música, prostrar-vos-eis, e adorareis a estátua de ouro que o rei Nabucodonosor tem levantado.
E qualquer que não se prostrar e não a adorar, será na mesma hora lançado dentro da fornalha de fogo ardente.
Portanto, no mesmo instante em que todos os povos ouviram o som da buzina, da flauta, da harpa, da sambuca, do saltério e de toda a espécie de música, prostraram-se todos os povos, nações e línguas, e adoraram a estátua de ouro que o rei Nabucodonosor tinha levantado.
Por isso, no mesmo instante chegaram perto alguns caldeus, e acusaram os judeus.
E responderam, dizendo ao rei Nabucodonosor: Ó rei, vive eternamente!
Tu, ó rei, fizeste um decreto, pelo qual todo homem que ouvisse o som da buzina, da flauta, da harpa, da sambuca, do saltério, e da gaita de foles, e de toda a espécie de música, se prostrasse e adorasse a estátua de ouro;
E, qualquer que não se prostrasse e adorasse, seria lançado dentro da fornalha de fogo ardente.
Há uns homens judeus, os quais constituíste sobre os negócios da província de babilônia: Sadraque, Mesaque e Abednego; estes homens, ó rei, não fizeram caso de ti; a teus deuses não servem, nem adoram a estátua de ouro que levantaste.
Então Nabucodonosor, com ira e furor, mandou trazer a Sadraque, Mesaque e Abednego. E trouxeram a estes homens perante o rei.
Falou Nabucodonosor, e lhes disse: É de propósito, ó Sadraque, Mesaque e Abednego, que vós não servis a meus deuses nem adorais a estátua de ouro que levantei?
Agora, pois, se estais prontos, quando ouvirdes o som da buzina, da flauta, da harpa, da sambuca, do saltério, da gaita de foles, e de toda a espécie de música, para vos prostrardes e adorardes a estátua que fiz, bom é; mas, se não a adorardes, sereis lançados, na mesma hora, dentro da fornalha de fogo ardente. E quem é o Deus que vos poderá livrar das minhas mãos?
Responderam Sadraque, Mesaque e Abednego, e disseram ao rei Nabucodonosor: Não necessitamos de te responder sobre este negócio.
Eis que o nosso Deus, a quem nós servimos, é que nos pode livrar; ele nos livrará da fornalha de fogo ardente, e da tua mão, ó rei.
E, se não, fica sabendo ó rei, que não serviremos a teus deuses nem adoraremos a estátua de ouro que levantaste.
Então Nabucodonosor se encheu de furor, e mudou-se o aspecto do seu semblante contra Sadraque, Mesaque e Abednego; falou, e ordenou que a fornalha se aquecesse sete vezes mais do que se costumava aquecer.
E ordenou aos homens mais poderosos, que estavam no seu exército, que atassem a Sadraque, Mesaque e Abednego, para lançá-los na fornalha de fogo ardente.
Então estes homens foram atados, vestidos com as suas capas, suas túnicas, e seus chapéus, e demais roupas, e foram lançados dentro da fornalha de fogo ardente.
E, porque a palavra do rei era urgente, e a fornalha estava sobremaneira quente, a chama do fogo matou aqueles homens que carregaram a Sadraque, Mesaque, e Abednego.
E estes três homens, Sadraque, Mesaque e Abednego, caíram atados dentro da fornalha de fogo ardente.
Então o rei Nabucodonosor se espantou, e se levantou depressa; falou, dizendo aos seus conselheiros: Não lançamos nós, dentro do fogo, três homens atados? Responderam e disseram ao rei: É verdade, ó rei.
Respondeu, dizendo: Eu, porém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano; e o aspecto do quarto é semelhante ao Filho de Deus.
Então chegando-se Nabucodonosor à porta da fornalha de fogo ardente, falou, dizendo: Sadraque, Mesaque e Abednego, servos do Deus Altíssimo, saí e vinde! Então Sadraque, Mesaque e Abednego saíram do meio do fogo.
E reuniram-se os príncipes, os capitàes, os governadores e os conselheiros do rei e, contemplando estes homens, viram que o fogo não tinha tido poder algum sobre os seus corpos; nem um só cabelo da sua cabeça se tinha queimado, nem as suas capas se mudaram, nem cheiro de fogo tinha passado sobre eles.
Falou Nabucodonosor, dizendo: Bendito seja o Deus de Sadraque, Mesaque e Abednego, que enviou o seu anjo, e livrou os seus servos, que confiaram nele, pois violaram a palavra do rei, preferindo entregar os seus corpos, para que não servissem nem adorassem algum outro deus, senão o seu Deus.
Por mim, pois, é feito um decreto, pelo qual todo o povo, e nação e língua que disser blasfêmia contra o Deus de Sadraque, Mesaque e Abednego, seja despedaçado, e as suas casas sejam feitas um monturo; porquanto não há outro Deus que possa livrar como este.
Então o rei fez prosperar a Sadraque, Mesaque e Abednego, na província de babilônia.

Leia Mais ››

Quem sobrará...

Furacão em Brasília (Foto: Arquivo Google)
A história contada pelo primeiro amigo, o advogado José Yunes, parceiro de o presidente Michel Temer há mais de 40 anos, tem começo, meio e fim, mas não resiste à meia dúzia de perguntas inocentes.
Tudo indica que foi concebida para livrá-lo de maiores encrencas com a Lava Jato, blindar Temer e oferecer uma saída honrosa para Eliseu Padilha, ministro-chefe da Casa Civil da presidência da República.
Por ora, Padilha deixou o cargo para tratar da saúde ameaçada por um tumor na próstata. Imagina voltar ao governo no próximo dia seis. Se o fizer não será sozinho. Com ele, a Lava Jato entrará de vez no Palácio do Planalto e se instalará a poucos metros do gabinete de Temer.
Haverá situação mais incômoda para um presidente carente de popularidade e com uma agenda repleta de graves problemas?
Na primeira ocasião, Padilha se verá constrangido pela pergunta sobre o conteúdo do pacote que pediu a Yunes para receber e que depois mandou buscar no escritório dele em São Paulo.
Era um pacote com certa espessura, segundo Yunes, e que lhe foi entregue pelo doleiro Lúcio Funaro, operador de negócios do ex-deputado Eduardo Cunha. Hoje, Funaro está preso em Brasília e Cunha em Curitiba.
Yunes foi citado na delação de executivos da Odebrecht. O tal pacote conteria parte dos R$ 10 milhões pedido por Temer a Marcelo Odebrecht, na época presidente da empresa, para financiar campanhas do PMDB em 2014.
Temer pediu o dinheiro, mas, segundo ele, de acordo com a lei. Na delação, consta que foi dinheiro de propina, registrado na contabilidade oculta da Odebrecht. Yunes conta que não sabe quem foi buscar o pacote.
A acreditar-se no que ele disse é curioso que Yunes jamais tenha conversado com Padilha sobre o pacote. Não o fez “por uma questão de ética”, justificou-se. Mais curioso que tenha informado a Temer há dois anos sobre o que se passara.
Extraordinariamente curioso é o fato narrado por Yunes de que Temer não tivesse até a semana passada procurado Padilha para se informar a respeito.
Há mais furos nessa história do que numa peneira. Por que Padilha pediria a Funaro para deixar um pacote com dinheiro ou com qualquer outra coisa no escritório de Yunes se Yunes, conforme jura, não conhecia Funaro e nunca arrecadou dinheiro para o PMDB?
Por que a Odebrecht, dispondo de meios para fazer entregas em qualquer lugar do país, se valeria de Funaro e de Yunes para repassar dinheiro a Padilha?
Que amigo da onça, Yunes! Antes mesmo da quebra do sigilo que cerca a delação da Odebrecht, antecipou-se a uma futura convocação, bateu na porta da Procuradoria-Geral da República e deixou perplexos os que se dispuseram a ouvi-lo.
Quis salvar a própria pele. Estragou a pele de Padilha em um momento de extrema fragilidade dele. E ensombreceu o destino de Temer e do governo.  Logo agora.
Logo quando o ministro da Fazenda havia anunciado o fim da recessão. Logo quando o governo reunia indicações de que o pior ficou para trás. Logo quando Temer mais precisava de Padilha para aprovar a reforma da Previdência.
Até aqui, Temer perdeu oito ministros da sua equipe original. Do chamado núcleo duro do governo, só resta Moreira Franco.
Com o fim do carnaval, os próximos três a quatro meses serão de forte turbulência com prisões de políticos e condenações que só esperam a assinatura do juiz Sérgio Moro (alô, alô, Lula!).

A questão principal não é quem será atingido. Mas quem sobrará.
Leia Mais ››

Itaparica: Retoma com sucesso carnaval

Sábado e domingo de Carnaval em Itaparica foi marcada por muita animação por parte dos foliões que ali se fizeram presentes. 
Durante o concurso para escolher o Rei Momo e a Rainha do Carnaval o público foi unanime em escolher Dona Angélica com seus 70 e poucos anos e um vigor invejável como a Rainha do nosso Carnaval Retrô. A prefeita Marlylda entregou a chave da cidade ao nosso simpático Rei Momo e declarou aberta a Festa Momesca em Itaparica. Mesmo com as dificuldades do início da gestão a prefeita Marlylda não mediu esforços para resgatar essa tradição cultural tão importante para o município e para o aquecimento da economia local.
A Banda de Amanda Santiago, Bailinho de Quinta, Daniel Vieira, Baba de Moça entre outras atrações deixaram as duas primeiras noites ainda mais alegres e encantaram as famílias com uma qualidade musical que há muitos anos não se via na cidade, a segurança da Policia Militar e Guarda Municipal proporcionaram um ambiente de paz e fraternidade que fez com que a criançada e famílias inteiras voltassem a pular o carnaval. 
O palco principal montado na Praça do Mercado Municipal foi uma parceria do Governo do Estado – Bahiatursa e da Prefeitura Municipal de Itaparica através da Secretaria de Turismo que mais uma vez deram show de organização.
O Carnaval de Itaparica segue hoje, segunda-feira, com as bandas: REVERBAÇÃO, JHON HERBERT, YAGO E JULIANO e FILOMENA ELÉTRICA. E a saída dos blocos independentes à partir das 16 horas na Orla de Itaparica.
Amanhã tem, GROOV NEW, MISSINHO E CAMILA VITORINO.
Confira imagens 

Leia Mais ››

Evangelização Hebreus 10:1-25


Porque tendo a lei a sombra dos bens futuros, e não a imagem exata das coisas, nunca, pelos mesmos sacrifícios que continuamente se oferecem cada ano, pode aperfeiçoar os que a eles se chegam.
Doutra maneira, teriam deixado de se oferecer, porque, purificados uma vez os ministrantes, nunca mais teriam consciência de pecado.
Nesses sacrifícios, porém, cada ano se faz comemoração dos pecados,
Porque é impossível que o sangue dos touros e dos bodes tire os pecados.
Por isso, entrando no mundo, diz: Sacrifício e oferta não quiseste, Mas corpo me preparaste;
Holocaustos e oblações pelo pecado não te agradaram.
Então disse: Eis aqui venho(No princípio do livro está escrito de mim),Para fazer, ó Deus, a tua vontade.
Como acima diz: Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei).
Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro, para estabelecer o segundo.
Na qual vontade temos sido santificados pela oblação do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez.
E assim todo o sacerdote aparece cada dia, ministrando e oferecendo muitas vezes os mesmos sacrifícios, que nunca podem tirar os pecados;
Mas este, havendo oferecido para sempre um único sacrifício pelos pecados, está assentado à destra de Deus,
Daqui em diante esperando até que os seus inimigos sejam postos por escabelo de seus pés.
Porque com uma só oblação aperfeiçoou para sempre os que são santificados.
E também o Espírito Santo no-lo testifica, porque depois de haver dito:
Esta é a aliança que farei com eles Depois daqueles dias, diz o Senhor:Porei as minhas leis em seus corações,E as escreverei em seus entendimentos; acrescenta:
E jamais me lembrarei de seus pecados e de suas iniqüidades.
Ora, onde há remissão destes, não há mais oblação pelo pecado.
Tendo, pois, irmãos, ousadia para entrar no santuário, pelo sangue de Jesus,
Pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou, pelo véu, isto é, pela sua carne,
E tendo um grande sacerdote sobre a casa de Deus,
Cheguemo-nos com verdadeiro coração, em inteira certeza de fé, tendo os corações purificados da má consciência, e o corpo lavado com água limpa,
Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu.
E consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras,
Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.
Hebreus 10:1-25
Leia Mais ››

Secretaria da Educação promove ciclo de atividades alusivas ao Março Mulheres

Resultado de imagem para Secretaria da Educação promove ciclo de atividades alusivas ao Março MulheresDurante o mês de março, a Secretaria da Educação do Estado vai realizar uma série de atividades alusivas ao Dia Internacional da Mulher (8). A partir da temática 'Março Mulheres – Mulheres que transformam', a iniciativa tem o objetivo de discutir os diversos espaços que a mulher ocupa na sociedade. A programação envolve palestras, debates, rodas de conversa, apresentações teatrais e musicais, além de exibição de filmes e desfile de turbantes.
Segundo a coordenadora da Educação para a Diversidade da Secretaria da Educação do Estado, Erica Capinan, as atividades têm o desafio de discutir, especialmente, a mulher nas redes estaduais de ensino e nas comunidades escolares. “Os dados mostram que as mulheres predominam na rede de Educação da Bahia. São as professoras, merendeiras ou até mesmo as que se encontram nos ‘bastidores’ da Secretaria e dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE). Por isso, temos a função de realizar atividades que promovam o seu empoderamento, além de uma reflexão sobre os desafios para enfrentar questões como o machismo e a violência contra a mulher”, afirma a coordenadora. 

Confira a programação:

02/03
“Peça a Sua Música”
12h30 às 14h - Auditório da Secretaria da Educação

03/03
Abertura (Ato Feminista) com a participação da Batucada Feminista da Marcha Mundial das Mulheres
12h30 às 13h30 - Entrada principal da Secretaria da Educação

06/03
Cine Debate - “O Silêncio das Inocentes” (Ique Gazzola, 2010)
12h30 às 14h - Auditório da Secretaria da Educação

07/03
Colóquio Educação para as Relações de Gênero e Sexualidade, em parceria com a Faculdade Maurício de Nassau/Coordenação da Graduação Pedagogia
14h às 18h - Auditório da Secretaria da Educação

08/03
Coral da Polícia Militar
10h - Auditório da Secretaria da Educação
“Mulheres que Cantam”, com show de Lane Quinto+ Tendas de Serviços/desfile de turbante
12h30 às 14h - subsolo na área do estacionamento

09/03
Teatro da Polícia Militar - "Homenagem às Mulheres"
12h30 - Auditório da Secretaria da Educação

10/03
Mesa Redonda - “Direitos das Mulheres”
12h30 às 14h - Auditório da Secretaria da Educação

13/03
Cine Debate - Filme “Que Horas Ela Volta”
12h30 às 14h - Auditório da Secretaria da Educação

21/03
Roda de Conversa: Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial
14h às 17h - Auditório da Secretaria da Educação

27/03 
Mesa Temática: Cartilha OAB – Vai à Escola, com ênfase nos “Direitos da Mulher” 
14h às 17h - Instituto Anísio Teixeira  

 Ascom/
Leia Mais ››

Moonlight' é escolhido melhor filme do Oscar 2017

Resultado de imagem para Moonlight' é escolhido melhor filme do Oscar 2017, após confusão com os apresentadores
Moolight" foi escolhido melhor filme do Oscar após confusão com os apresentadores Faye Dunaway e Warren Beatty, que anunciaram o vencedor errado. Os atores apresentavam a categoria final, neste domingo (26), e disseram que "La La Land" havia levado a estatueta, após erro da organização do evento. 
A equipe subiu ao palco para receber o prêmio. Após 2 minutos e 23 segundos, foi informada do erro e esclareceu que o vencedor era "Moonlight". Beatty e Faye estavam, na verdade, com o envelope da vencedora de Melhor Atriz (Emma Stone, de "La La Land").
Ao abrir o envelope, Beatty ficou olhando para o papel com o nome do vencedor, como se algo estivesse errado. Ele ficou 20 segundos sem saber o que fazer: a plateia pensou que era uma brincadeira. Até deu risada. O ator de 79 anos é conhecido pelo bom humor.
Então, Faye pegou o papel da mão do ator e leu: "La La Land". Foi quando a equipe do filme se abraçou e foi receber a estatueta. Os produtores (Fred Berger, Jordan Horowitz e Marc Platt) discurssaram, mas foram avisados da confusão. "Há um erro, 'Moonlight', caras, vocês ganharam melhor filme. Isso não é uma brincadeira, acho que eles leram a coisa errada", disse Horowitz.
"Moonlight" levou ainda a estatueta de roteiro adaptado e de ator coadjuvante, para Mahershala Ali. "La La Land: Cantando Estações" ganhou seis prêmios: atriz, diretor, música original, trilha sonora, fotografia e design de produção. Damien Chazelle se tornou o mais jovem a ganhar como diretor. Casey Affleck levou o Oscar de ator por "Manchester à Beira-mar", filme que ganhou também a estatueta de roteiro original.
Moonlight
"Moonlight: Sob a luz do luar" se tornou o Melhor Filme do Oscar neste ano ao narrar o crescimento de um garoto negro na periferia de Miami, nos Estados Unidos, que enfrenta desafios relacionados a sua raça e sexualidade. Mesmo sem estrelas e com uma narrativa simples e direta, o filme independente escrito e dirigido por Barry Jenkins foi colecionando prêmios e elogios.
A vitória mostrou também uma nova mentalidade da Academia de Artes e Ciência Cinematográficas de Hollywood, após a péssima repercussão da campanha #OscarSoWhite (#OscarMuitoBranco), que criticava a ausência de artistas negros no Oscar de 2016. Neste ano, a premiação bateu o recorde com o maior número de negros indicados: 20.
Coadjuvantes: discursos poderosos
Favoritíssimos, Viola Davis ("Um limite entre nós") e Mahershala Ali ("Moonlight: Sob a luz do luar") ganharam como coajuvantes. Fizeram discursos poderosos e emocionados.
"Quando me perguntam que papéis eu quero interpretar, eu digo 'dessas pessoas que não sabem o que é poder sonhar, poder atingir seus sonhos'", disse a atriz. "Viola Davis foi indicada a um Emmy por esse discurso", brincou o apresentador Jimmy Kimmel.
Protestos contra Trump (e a favor)
O Oscar também teve protestos. Uma fita azul foi usada por celebridades como a atriz Ruth Negga no tapete vermelho do Oscar. Eles apoiam a União Americana pelas Liberdades Civis, que se opõe a Donald Trump. Também antes da premiação, apoiadores do presidente americano protestaram contra a "elite de Hollywood" perto do Teatro Dolbly.
Trump também foi citado por Kimmel. "Já estamos em duas horas do prêmio e Donald Trump não twittou sobre a gente até agora. Estou ficando preocupado", disse ele, que pegou o celular e botou a imagem do perfil de Trump no Twitter no telão da premiação.
O diretor do melhor filme estrangeiro "O apartamento", o iraniano Asghar Farhadi, mandou uma carta. Nela, ele explicou que não foi ao Oscar em respeito à população do seu país e a outros imigrantes que não podem mais entrar nos Estados Unidos após o banimento a muçulmanos imposto por Trump.
Diretor mais novo, filme mais longo
Premiado como Melhor Diretor, Damien Chazelle se tornou o mais jovem a levar o prêmio, com 32 anos e um mês. "Quero agradecer Ryan e Emma por darem vida a este filme", disse Damien Chazelle. "Quero agradecer a minha família por sempre acreditarem em mim. E agradeço a Olivia. É um filme sobre amor e fico feliz por ter encontrado o amor fazendo este filme".
Outro recordista da noite foi "O.J.: Made in America". Com 7 horas e 47 minutos de duração, ele ganhou como Melhor Documentário. O filme superou "Guerra e Paz", longa russo que ganhou o Oscar de filme estrangeiro em 1969, com 7 horas e 7 minutos de duração.
Outra curiosidade deste ano foi que o "homem mais azarado do Oscar" finalmente ganhou. Após 20 indicações sem vitória, o engenheiro de som Kevin O'Connel foi premiado por seu trabalho em "Até o último homem".(G1)
Leia Mais ››

Evangelização Josué 22:30-34


Ouvindo, pois, Finéias, o sacerdote, e os príncipes da congregação, e os cabeças dos milhares de Israel, que com eles estavam, as palavras que disseram os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, e os filhos de Manassés, pareceu bem aos seus olhos.
E disse Finéias, filho de Eleazar, o sacerdote, aos filhos de Rúben, e aos filhos de Gade, e aos filhos de Manassés: Hoje sabemos que o Senhor está no meio de nós; porquanto não cometestes transgressão contra o Senhor; agora livrastes os filhos de Israel da mão do Senhor.
E Finéias filho de Eleazar, o sacerdote, com os príncipes, deixando os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, voltaram da terra de Gileade à terra de Canaã, aos filhos de Israel, e trouxeram-lhes a resposta.
E pareceu a resposta boa aos olhos dos filhos de Israel, e os filhos de Israel louvaram a Deus; e não falaram mais em subir à guerra contra eles em exército, para destruírem a terra em que habitavam os filhos de Rúben e os filhos de Gade.
E os filhos de Rúben e os filhos de Gade deram ao altar o nome de Ede; para que seja testemunho entre nós que o Senhor é Deus.
Josué 22:30-34
Leia Mais ››

Os Benefícios do Caju Para Saúde


O Caju é um fruto nativo do Brasil e foi levado pelos os portugueses do Brasil para Ásia e África. No Brasil o cajueiro é encontrado quase em todos os estado brasileiro, principalmente nos estados do Nordeste, devido as condições climática. O estado do Ceará o maior produtor de castanha de caju.
O Caju são muito nutritivos, e uma excelente fonte de proteínas e muitos minerais essenciais, incluindo o cobre, cálcio, magnésio, ferro, fósforo, potássio, zinco e De sódio que também está presente em uma quantidade muito pequena. O Caju também contém vitaminas como a C, B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), B-6, ácido fólico, E (alfa-tocoferol) e vitamina K (filoquinona). O caju é uma fonte de ácido oleico e ainda fornecer uma boa quantidade de gordura (boas)!

Os Benefícios do Caju Para Saúde:
Benefícios do Caju para Diabetes: O Caju tem uma quantidade muito baixas de açúcar e ainda sem colesterol prejudicial, o que fazer o caju se torna seguro para os diabéticos! Ele ainda ajuda na redução do risco do tipo 2 diabetes .
Benefícios do Caju na Prevenção de o Câncer: O Caju é uma excelente fonte de flavonóides que são um dos melhores combatente do câncer. Ele contém um flavonóide chamado proantocianidinas, que inibe o desenvolvimento do tumor e previne o crescimento de células cancerosas.
Benefícios do Caju em Evitar os cálculos biliares: Os cálculos biliares são a geração de pedra na bexiga devido à expansão da formação de bílis. Os cálculos biliares são em grande parte composta de colesterol. Estudos científicos têm encontrado que o consumo de caju pode reduzir as chances de pedras em até 25%.
Benefícios do Caju para Anemia: O caju é uma fonte de dietética, de ferro, que é vital para o transporte de oxigênio ao redor do corpo e auxilia no funcionamento das enzimas e do sistema imunológico. A deficiência de ferro na dieta pode levar à fadiga do corpo, anemia e um aumento da susceptibilidade a infecções.
Benefícios do Caju para Ossos e a Boca: O caju também fornecem fósforo, que é essencial para o desenvolvimento saudável dos dentes e ossos. fósforo também ajuda na síntese de proteínas, a absorção de carboidratos e gorduras e para a manutenção da saúde celular.
Benefícios do Caju para o Sistema Imunológico: Caju contêm zinco, que desempenha um papel vital no fortalecimento do sistema imunológico contra infecções microbianas, a síntese de proteínas e na cicatrização de feridas. É extremamente importante durante a gravidez para o crescimento da criança e os anos de desenvolvimento da infância para manter um estado estável do corpo.
Caju é Rico em Cobre: O caju é rica em cobre. Cobre ajuda na prevenção de radicais livres assim ajudando no rejuvenescimento da pele e remove pigmento. Também melhora a flexibilidade nos ossos e articulações. Uma enzima presente no cobre chamada tirosinase auxilia na produção de melanina proporcionar cor à pele e cabelo.
Leia Mais ››

Desfiles do Grupo Especial do Rio tem disputa acirrada

Rio de Janeiro - Desfile da escola de samba do grupo especial Grande Rio, no Sambódromo (Fernando Frazão/Agência Brasil)
A primeira noite de desfiles das escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro teve política, literatura e música cantados em sambas-enredos. Alegorias grandiosas foram vistas do início ao fim do desfile, mas Salgueiro e Beija-Flor levantaram mais o público com suas torcidas numerosas. A Grande Rio causou frisson com Ivete Sangalo na Sapucaí, e a Imperatriz emocionou com a homenagem a lideranças indígenas do Xingu.

Paraíso do Tuiuti

Marcado pelo atropelamento de mais de 20 pessoas por um de seus carros alegóricos, a Paraíso do Tuiuti fez o que pôde para não ter seu desfile abalado pelo desastre. A escola abordou o movimento antropofágico modernista e o Tropicalismo, entrando na Sapucaí com muitas cores da fauna e da flora nacionais.
O administrador Rodrigo Sodré, 37 anos, estava em cima do carro acidentado, e contou que a situação causou nervosismo. “Deu para ver o carro amassado. Deu uma angústia muito grande.” Apesar do ocorrido, ele disse confiar que a escola fez um bom desfile.

Grande Rio

Aguardada com ansiedade para estrear na Sapucaí, a cantora Ivete Sangalo chegou e saiu da avenida cercada de seguranças duas vezes. Em uma aposta arriscada, a Grande Rio trouxe a cantora na coreografia da comissão de frente, e, quando Ivete chegou à dispersão, um carro estava à espera para levá-la às pressas para a última alegoria. O plano funcionou, e o público saiu ganhando com a diva passando duas vezes pelo sambódromo.

Imperatriz

O desfile da Imperatriz Leopoldinense teve como grandes estrelas os indígenas do Xingu, cujos clamores por direitos e sustentabilidade foram amplificados por um enredo que chegou a ser criticado por setores do agronegócio. O cacique caiapó Raoni Metuktire, 86 anos, foi destaque em um carro alegórico dedicado a ele e teve a ajuda do neto Beptuk Metuktire, 22 anos, para traduzir sua mensagem de agradecimento para o português.
“Que bom que os brancos lembraram de nós, porque tem muito impacto o que vem causando na população indígena quando querem destruir nossos parques e florestas e poluir os rios”, disse o cacique.
Para Ianacula Kamayura, 61 anos, não foi surpresa que o enredo tenha incomodado o agronegócio. “Como indígenas do Xingu, ficamos muito emocionados de poder estar aqui diante dessa multidão para trazer à tona todos os nossos problemas”, disse o indígena. “O enredo fala mais do respeito, da necessidade de preservar a terra. Mas a verdade, às vezes, dói.”

Vila Isabel

A Vila Isabel contou a influência da cultura negra em ritmos que conquistaram o continente americano, como o próprio samba, o blues, o soul, o rap e o hip hop.
O carnavalesco Alex de Souza apostou na imagem de cantores consagrados e figuras que representam clássicos musicais para dar forma aos ritmos negros. Ele disse ter ficado satisfeito com o resultado, mas não viu o público tão empolgado.
“A escola fez um desfile bonito, mas vamos ver. Acho o público de domingo muito frio. Não sei se a escola não empolgou.”

Salgueiro

Com alegorias grandiosas e fantasias ricas, o Salgueiro levantou a Sapucaí com um enredo que começou no inferno e percorreu o caminho da Divina Comédia em direção ao céu.
No caminho, a escola encontrou uma avenida suja de óleo, que foi derramado nos desfiles anteriores. A presidente Regina Celi chegou a reclamar no alto-falante do Sambódromo e serragem foi usada para amenizar o problema. Estrela da escola, a rainha de bateria Viviane Araújo sentiu o chão mais escorregadio, mas contornou o problema sambando com mais atenção. “Foi meio tenso”, disse, na saída do desfile.
A passista Michele Alves, 31 anos, chamou a atenção do público por sua gravidez de cinco meses. Com um sorriso enorme na dispersão, ela contou que foi a segunda vez que desfilou grávida. “Parece que meu coração vai sair do peito, mas estou muito satisfeita e espero pelo título. É muito gostoso, por isso que voltei.”

Beija-Flor

A última escola desfilou já com o dia claro, mas contou com o apoio da torcida, que não se deixou vencer pelo cansaço depois de mais de oito horas de desfiles.
A Beija-Flor recontou a história de Iracema em um desfile com alegorias e fantasias luxuosas e coloridas, que compensaram a desvantagem de desfilar durante o dia. O samba fácil de cantar estava na ponta da língua dos integrantes da escola, e logo foi aprendido pela arquibancada.


O desfile das escolas do Grupo Especial continua na noite de hoje. Confira a programação:

22h União da Ilha
23h25 São Clemente
00h50 Mocidade
2h15 Unidos da Tijuca
3h40 Portela
4h50 Mangueira
(AB)
Leia Mais ››

Escondidinho de frango

Escondidinho de frango Seara

Ingredientes

  • 1 Peito de Frango com Osso 
  • 1 folha de louro
  • 1 cebola em pedaços e 1 cebola picada
  • 1 dente de alho inteiro
  • ½ colher (chá) de pimenta-do-reino
  • Sal a gosto
  • 2 colheres  (sopa) de azeite
  • 400 g de abobrinha em cubos
  • 2 colheres  (sopa) de azeitonas verdes picadinhas
  • 1,2 kg de mandioquinha
  • 2 colheres  (sopa) de manteiga
  • ½ xícara de leite
  • 4 colheres (sopa) de parmesão ralado
  • 3 colheres (sopa) de azeitona preta em tirinhas e ramos de salsa para decorar

Modo de Preparo

  1. Em uma panela de pressão, junte o Peito de Frango SEARA, o louro, a cebola, o alho inteiro e a pimenta-do-reino com 1 litro de água e sal a gosto. 
  2. Tampe e deixe cozinhar por 15 minutos após começar a chiar. 
  3. Deixe a panela esfriar para abrir e retirar o Peito de Frango SEARA. 
  4. Desfie-o e reserve. 
  5. Em uma frigideira, coloque o azeite e refogue a cebola picada. 
  6. Acrescente o frango e a abobrinha. Refogue, junte a azeitona verde, tempere com sal a gosto e reserve. 
  7. Coe o caldo do cozimento do frango e cozinhe a mandioquinha nele. 
  8. Escorra-a e retire a casca. 
  9. Passe a mandioquinha pelo espremedor. 
  10. Adicione a manteiga e o leite e mexa até incorporar bem. Unte refratários pequenos com manteiga, disponha o Peito de Frango SEARA e complete com purê. 
  11. Polvilhe com o parmesão e faça carinhas com as tiras de azeitona preta. 
  12. Asse em forno preaquecido a 180 ºC por 10 minutos. 
  13. Faça o cabelo com ramos de salsa.
  14. (Hoje Tem Frango)
Leia Mais ››

Evangelização Josué 22:1-29


Então Josué chamou os rubenitas, e os gaditas, e a meia tribo de Manassés.
E disse-lhes: Tudo quanto Moisés, o servo do Senhor, vos ordenou, guardastes; e à minha voz obedecestes em tudo quanto vos ordenei.
A vossos irmãos por todo este tempo, até ao dia de hoje, não desamparastes; antes tivestes cuidado de guardar o mandamento do Senhor vosso Deus.
Agora o Senhor vosso Deus deu repouso a vossos irmãos, como lhes tinha prometido; voltai-vos, pois, agora, e ide-vos às vossas tendas, à terra da vossa possessão, que Moisés, o servo do Senhor, vos deu além do Jordão.
Tão-somente tende cuidado de guardar com diligência o mandamento e a lei que Moisés, o servo do Senhor, vos mandou: que ameis ao Senhor vosso Deus, e andeis em todos os seus caminhos, e guardeis os seus mandamentos, e vos achegueis a ele, e o sirvais com todo o vosso coração, e com toda a vossa alma.
Assim Josué os abençoou, e despediu-os; e foram-se às suas tendas.
Ora, Moisés dera herança em Basã à meia tribo de Manassés, porém à outra metade Josué deu herança entre seus irmãos aquém do Jordão para o ocidente; e enviando-os Josué também às suas tendas os abençoou;
E falou-lhes, dizendo: Voltai-vos às vossas tendas com grandes riquezas, e com muitíssimo gado, com prata, e com ouro, e com metal, e com ferro, e com muitíssimas roupas; e com vossos irmãos reparti o despojo dos vossos inimigos.
Assim os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, e a meia tribo de Manassés voltaram, e separaram-se dos filhos de Israel, de Siló, que está na terra de Canaã, para irem à terra de Gileade, à terra da sua possessão, de que foram feitos possuidores, conforme a ordem do Senhor pelo ministério de Moisés.
E, chegando eles aos limites do Jordão, ainda na terra de Canaã, ali os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, e a meia tribo de Manassés edificaram um altar junto ao Jordão, um altar de grande aparência.
E ouviram os filhos de Israel dizer: Eis que os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, e a meia tribo de Manassés edificaram um altar diante da terra de Canaã, nos limites do Jordão, do lado dos filhos de Israel.
Ouvindo isso os filhos de Israel, reuniu-se toda a congregação dos filhos de Israel em Siló, para saírem em guerra contra eles.
E enviaram os filhos de Israel, aos filhos de Rúben, e aos filhos de Gade, e à meia tribo de Manassés, na terra de Gileade, a Finéias, filho de Eleazar, o sacerdote,
E a dez príncipes com ele, de cada casa paterna um príncipe, de todas as tribos de Israel; e cada um era cabeça da casa de seus pais entre os milhares de Israel.
E, indo eles aos filhos de Rúben, e aos filhos de Gade, e à meia tribo de Manassés, à terra de Gileade, falaram-lhes, dizendo:
Assim diz toda a congregação do Senhor: Que transgressão é esta, que cometestes contra o Deus de Israel, deixando hoje de seguir ao Senhor, edificando-vos um altar, para vos rebelardes contra o Senhor?
Foi-nos pouco a iniqüidade de Peor, de que ainda até o dia de hoje não estamos purificados, mesmo que tenha havido castigo na congregação do Senhor,
Para que hoje deixais de seguir o Senhor? Será que rebelando-vos hoje contra o Senhor, amanhã ele se irará contra toda a congregação de Israel.
Se é, porém, que a terra da vossa herança é imunda, passai-vos para a terra da possessão do Senhor, onde habita o tabernáculo do Senhor, e tomai possessão entre nós; mas não vos rebeleis contra o Senhor, nem tampouco vos rebeleis contra nós, edificando-vos um altar, além do altar do Senhor nosso Deus.
Não cometeu Acã, filho de Zerá, transgressão no tocante ao anátema? Não veio ira sobre toda a congregação de Israel, de modo que aquele homem não morreu só, na sua iniqüidade?
Então responderam os filhos de Rúben, e os filhos de Gade, e a meia tribo de Manassés, e disseram aos cabeças dos milhares de Israel:
O Senhor Deus dos deuses, o Senhor Deus dos deuses, ele o sabe, e Israel mesmo o saberá. Se foi por rebeldia, ou por transgressão contra o Senhor, hoje não nos preserve;
Se nós edificamos um altar para nos desviarmos do Senhor, ou para sobre ele oferecer holocausto e oferta de alimentos, ou sobre ele apresentar oferta pacífica, o Senhor mesmo de nós o requeira.
E, se antes o não fizemos por receio disto, dizendo: Amanhã vossos filhos virão a falar a nossos filhos, dizendo: Que tendes vós com o Senhor Deus de Israel?
Pois o Senhor pôs o Jordão por termo entre nós e vós, ó filhos de Rúben, e filhos de Gade; não tendes parte no Senhor; e assim bem poderiam vossos filhos fazer desistir a nossos filhos de temer ao Senhor.
Por isso dissemos: Preparemo-nos agora, e edifiquemos um altar, não para holocausto, nem para sacrifício,
Mas para que, entre nós e vós, e entre as nossas gerações depois de nós, nos seja em testemunho, para podermos fazer o serviço do Senhor diante dele com os nossos holocaustos, e com os nossos sacrifícios, e com as nossas ofertas pacíficas; para que vossos filhos não digam amanhã a nossos filhos: Não tendes parte no Senhor.
Por isso dissemos: Quando suceder que amanhã assim nos digam a nós e às nossas gerações, então diremos: Vede o modelo do altar do Senhor que fizeram nossos pais, não para holocausto nem para sacrifício, porém para ser testemunho entre nós e vós.
Nunca tal nos aconteça que nos rebelemos contra o Senhor, ou que hoje nós abandonássemos o Senhor, edificando altar para holocausto, oferta de alimentos ou sacrifício, fora do altar do Senhor nosso Deus, que está perante o seu tabernáculo.
Josué 22:1-29
Leia Mais ››

Um recife vitaminado pela floresta

Desde que o navio Esperanza passou pelo Brasil, para lançarmos a campanha Defenda os Corais da Amazônia, muita gente nos pergunta porque chamamos esse sistema de corais assim. Falamos que eles são da Amazônia, mas não nos rios da floresta. Os recifes estão onde o Oceano Atlântico. É a região onde o mar encontra o rio Amazonas e, por isso, são fortemente influenciados pelas águas turvas do rio. Esse é que chamamos de “fator Amazonas”
Para entender o que isso significa, o rio, cuja vazão é a maior do mundo, joga 300 mil metros cúbicos (ou 300 milhões de litros) de água doce no mar, por segundo. Junto dessa água vêm muitos sedimentos, como terra, restos da vegetação e de animais carregados ao longo do leito do rio. Se a Floresta Amazônica é chamada de pulmão do mundo, o Rio Amazonas seria a maior veia do planeta.
Quando chega ao oceano, a água doce não se mistura igualmente. Fica mais na superfície porque é mais leve que a salgada. Essa camada superior é o que os especialistas chamam “pluma” do rio.
A pluma é riquíssima em matéria orgânica e mineral, micróbios e organismos que fazem parte do sistema do oceano. O efeito que ela causa no mar é o “Fator Amazonas”. Devido ao grande volume e força do rio, a pluma pode alcançar até a África, em algumas épocas do ano.
Mas qual a relação da pluma com os recifes de corais da Amazônia? Tudo. Primeiro, vale lembrar que os recifes estão na foz do rio, ou seja, a área de maior concentração de pluma. Este fator era a condição apontada justamente para a improbabilidade de ocorrência de recifes na região.
O cientista Nils Asp Neto explica que os recifes marinhos têm dois fatores limitantes para sua existência: um é a luz que penetra até o fundo do mar; o outro é a quantidade de nutrientes. Regiões marinhas que não sofrem interferência de rios têm poucos nutrientes, mas muita luz chegando até o fundo. Os organismos fotossintetizantes se beneficiam dessa luminosidade, mesmo tendo pouco nutriente ao seu redor. É o caso de algumas regiões costeiras brasileiras, como o Rio Grande do Norte e Pernambuco.
Pelo que os cientistas já puderam estudar, na foz do rio Amazonas acontece o contrário: há muito nutriente, mas pouca luz. Os sedimentos em suspensão na pluma funcionam como uma barreira opaca. “O que temos visto aqui na foz do Amazonas é que existe uma área de transição onde os nutrientes do Rio Amazonas chegam, mas não há tanta turbidez. É uma faixa em uma situação ideal. Os recifes da Amazônia devem estar tirando muita vantagem disso”, diz Nils.
A pluma que eventualmente reduz a luz na água ao mesmo tempo funciona como um “suplemento vitamínico” para que os organismos vivam com condições boas de energia. Quando a pluma se desloca pelas correntes marinhas e uma maior transparência permite que a luz chegue ao fundo, os organismos fotossintetizantes se revigoram.

>> Confira algumas das primeiras imagens dos recifes de corais da Amazônia

Nos recifes da Amazônia, principalmente na porção norte, onde a concentração da pluma é maior, há muitas esponjas. Elas são filtradoras e se alimentam da chamada “neve marinha”. Os nutrientes da pluma são usados pelo fitoplâncton como alimento; o fitoplancton é comido pelo zooplancton; e quando o zooplâncton morre, se decompõem, virando a neve marinha. E as esponjas se alimentam disso.
Portanto, a pluma tem grande participação na existência dos recifes de corais da foz do Amazonas. É uma das razões deles serem tão especial. Esse bioma único no mundo ainda é pouco conhecido por nós e pelos cientistas que estudam o tema. Apenas há alguns dias fizemos as primeiras imagens deles debaixo d’água. E esse tesouro recém-revelado já está em perigo: duas empresas petrolíferas pretendem perfurar a região em breve, em busca de petróleo.
É por isso que o Greenpeace está unindo defensores dos Corais da Amazônia por todo o mundo. Precisamos proteger esse capricho da natureza, tão raro, e por isso tão especial. (Greenpeace Brasil/ #Envolverde)

(Greenpeace Brasil)
Leia Mais ››

Conheça a história do Homem-Aranha que se apresenta no carnaval de Olinda


Resultado de imagem para Conheça a história do Homem-Aranha que se apresenta no carnaval de Olinda

Um dos personagens mais aguardados durante o domingo de carnaval em Olinda, o Homem-Aranha que desce de rapel a caixa d’água do Alto da Sé durante a concentração do bloco Enquanto Isso na Sala da Justiça, conquistou uma carreira bem-sucedida de super-herói a partir de uma brincadeira iniciada há nove anos.

Aos 45 anos, Jall de Oliveira, ator e cerimonialista, conta que sempre foi aficionado pelo Homem-Aranha. “Eu queria sair fantasiado de super-herói no bloco e como sou fanático pelo personagem resolvi fazer minha fantasia”, lembra. No início, a brincadeira era simples e, com o sucesso de público, evoluiu para as acrobacias na caixa d’água.
Ele conta que, ao longo dos anos, teve de se capacitar. “Eu subia no muro morrendo de medo de cair. Depois fui me aprofundando mais, treinando, fazendo rapel, escalada, tudo para encarnar o personagem”, afirma o ator.
A equipe de uma empresa especializada em atividades em altura se dedica, junto ao ator, para realizar o espetáculo.
Além de Homem-Aranha para o período carnavalesco, Jall passou a vestir o personagem em festas infantis e gerar uma renda extra. Ele garante que toda semana tem agenda e leva a função a sério. “Tem que ter toda uma performance voltada para o personagem, para a criança sair da festa ou daqui mesmo jurando que viu o Homem-Aranha.”
Apesar do sucesso, neste ano, por pouco o super-herói não apareceu. A empresa Sinallider, que explora o elevador da caixa d’água para visita de turistas à vista panorâmica do topo do prédio, entrou na Justiça para impedir a performance. A companhia alegou que tinha prejuízo financeiro com o espetáculo porque o elevador ficava fechando durante um tempo e conseguiu uma liminar barrando a performance.
A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), dona da caixa d’água que tem o convênio com a empresa, e os responsáveis pelo show acabaram achando uma brecha na decisão e, em vez de usar a estrutura do elevador, fizeram o espetáculo na lateral do prédio. “A gente ia subir como turista pelo elevador, pagando, mas ele fechou hoje. Aí nos deu a liberdade para subir pelas laterais”, conta o Homem-Aranha.(AB)
Leia Mais ››